Jornal Agora | Rio Grande no Encontro Brasileiro das Cidades Hist ...
 
fechar
fechar

Seu voto foi registrado. Agradecemos sua participação.

Seu voto já foi computado nas últimas 24 horas.

Resultado parcial

Atenção: o resultado desta enquete não tem valor de amostragem científica e se refere apenas a um grupo de
                 leitores do Agora Online.
Redes sociais
voltar

BRASÍLIA

- 15-04-2017 - 14h55min
fechar
enviar Máximo 500 caracteres
* Ao enviar qualquer comentário, o usuário declara-se ciente e aceita integralmente o termo de uso
fechar

Comunicar erro

Se você encontrou alguma informação que esteja errada, utilize este espaço para reportar erros.

enviar Máximo 500 caracteres
fechar

Envie esta notícia para um amigo

» Adicionar mais um destinatário

enviar Máximo 500 caracteres

Rio Grande no Encontro Brasileiro das Cidades Históricas Turísticas

fechar

Galeria de vídeo

fechar

Galeria de áudios

fechar
Foto: DIVULGAÇÃO

Ricardo Freitas e o escritor, diretor e roteirista de cinema sul-rio-grandense Tabajara Ruas

Foto: DIVULGAÇÃO

Rio Grande no Encontro Brasileiro das Cidades Históricas Turísticas

Ricardo Freitas e o escritor, diretor e roteirista de cinema sul-rio-grandense Tabajara Ruas

Rio Grande marcou presença no 3º Encontro Brasileiro das Cidades Históricas Turísticas e Patrimônio Mundial. O secretário de município da Cultura, Ricardo Freitas, cumpriu agenda em Brasília na última semana, onde representa o prefeito Alexandre Lindenmeyer no evento. Realizado na Confederação Nacional de Municípios (CNM), o encontro reuniu prefeitos e secretários municipais, de todo o País, para planejar e consolidar ações para a gestão das cidades históricas brasileiras.

Durante o Encontro, o secretário apresentou as potencialidades de Rio Grande aos diretores do PAC Cidades Históricas e do Departamento de Patrimônio Material e Fiscalização do Iphan, Robson Antônio de Almeida e Andrei Rosenthal Schlee, respectivamente, que demonstraram entusiasmo com a possibilidade de futuras parcerias. Uma das questões abordadas no encontro foi a necessidade da preservação do patrimônio cultural do Município, bem como a possibilidade de transformá-lo em um vetor de desenvolvimento, através de ações transversais, envolvendo outras áreas.

TABAJARA RUAS

Freitas também dialogou com o escritor, diretor e roteirista de cinema sul-rio-grandense Tabajara Ruas. Na oportunidade, o gestor convidou o autor para uma apresentação, seguida de palestra, do seu mais recente trabalho na área do audiovisual, o filme “Os senhores da guerra”, em Rio Grande. O filme retoma os embates históricos da Revolução de 1923, que dividiu o Rio Grande do Sul entre chimangos e maragatos. Ruas agradeceu a oportunidade e ficou de retornar o pedido, de acordo com a disponibilidade da sua agenda. Atualmente, o escritor trabalha na adaptação de mais um dos seus romances para as telas do cinema, a obra “A cabeça de Gumercindo Saraiva”.

MUSEU DA CIDADE DO RIO GRANDE

Na sede da CNM, o secretário conferiu a exposição Preservação do Patrimônio Cultural Brasileiro, que ressalta o trabalho de restauração de grandes e importantes monumentos históricos do País, com o apoio financeiro do BNDES, entre os anos de 1997 e 2015. Dentre os espaços destacados, no módulo Conhecimento e Memória, estava o Museu da Cidade do Rio Grande.


comente Comentários(9)

Participe


Sua opinião Agora

Você acha que os mandatos dos vereadores Batatinha e João da Barra devem ser cassados?

resultado votar
Veja mais

Plantão



Comparte Jornal Agora - Todos os direitos reservados